Skip to content

O cantinho dos afetos… e da saúde

Agrupamento de Escolas de Anadia

Mostra de sopas 603Anadia: Setenta sopas brilharam no Agrupamento de Escolas

Publicado a 24/10/14

in JORNAL DA BAIRRADA

Para assinalar o Dia Mundial da Alimentação, o Agrupamento de Escolas de Anadia promoveu mais uma Mostra de Sopas. Decorreu no passado dia 16, entre as 12h30 e as 14h e durante o dia nos vários estabelecimentos de ensino foram degustadas cerca de sete dezenas de sopas.
Na Escola Básica n.º 2 de Vilarinho do Bairro foi a 8.ª edição, enquanto que nas Escolas Básica nº 2 e Secundária de Anadia esta foi a 5.ª edição da iniciativa que envolve toda a comunidade escolar.
Esta iniciativa foi promovida pela Equipa do Projeto da Educação para a Saúde (PES), tendo como principais objetivos, não só comemorar o Dia Mundial da Alimentação, mas também fomentar a adoção de comportamentos e hábitos alimentares saudáveis; sensibilizando a comunidade educativa para a importância da sopa na alimentação quotidiana. Por outro lado, pretendeu-se promover a recuperação do uso da sopa nos hábitos alimentares das famílias e ainda envolver os pais no Projeto de Educação para a Saúde.

29 sopas na EB n.º2 de Anadia. No que respeita à EB n.º2 de Anadia, a mostra registou 29 sopas, mais uma virtual: a Sopa da Partilha, da disciplina de EMRC.
Como sempre, os Pais e Encarregados de Educação aderiram em massa, tanto na confeção das sopas como na sua própria degustação. Da mesma forma, merece realce a adesão dos alunos, que não só comeram das sopas das suas turmas, como provaram as sopas das outras. Merece igual destaque a variedade de sopas que todos os anos vai aparecendo, sempre com novidades agradáveis.
Nesta edição da Mostra destacamos algumas: sopa da pedra, creme de mar e terra ou sopa de urtigas.
De acordo com a professora Licínia Simões, coordenadora do PES na EB de Anadia, esta edição foi um sucesso. Realçou que “cada vez mais os encarregados de educação se preocupam em trazerem pequenos ‘mimos’ para acompanhar as sopas”.

Expetativas superadas na Secundária. “A atividade na Secundária correu muito para lá das expetativas”. Quem o afirmou foi Margarida Marques, coordenadora do PES na Escola Secundária de Anadia. E acrescenta que “inicialmente, não havia muitas inscrições, mas na quinta-feira de manhã, à última hora, surgiram mais sopas e totalizámos cerca de 16”. Realçou, ainda, a participação ativa de pais bastante superior ao habitual.

25 sopas em Vil. Bairro. Na EB n.º 2 de Vilarinho do Bairro, veterana nesta atividade, apresentaram-se 25 sopas, mais uma virtual: a “sopa dos Valores”, de EMRC.
O primeiro realce vai para a grande diversidade de sabores nas sopas confecionadas pelos Encarregados de Educação, podendo destacar-se a sopa da pedra, sopa de peixe, aveludado de abóbora ou a sopa primitiva, inspirada numa das teorias da origem da vida… enfim, tantas e tão boas que difícil foi provar de todas.
Outro realce importante cabe à participação ativa das duas turmas do 1.º CEB, que este ano passaram a funcionar na EB n.º 2, devido ao encerramento daquelas escolas.

Inédita presença da Confraria do Leitão presente com uma sopa. Destaque, ainda, para a Confraria Gastronómica do Leitão da Bairrada, que acedeu ao pedido da docente Noémia Machado, professora Bibliotecária nesta Escola. A Confraria apresentou-se com uma deliciosa sopa, tendo por base o leitão, evidentemente. Foi servida pelo confrade António Duque, fundador e presidente da direção da Confraria.

Como já é habitual, também foi apresentada a sopa da Educação Especial, confecionada durante a manhã pelos alunos, com a orientação das respetivas docentes. Também a professora Bibliotecária voltou a fazer uma ‘bibliosopa’, desta vez uma “Canja francesa”, muito apreciada por todos.
Pais fazem balanço positivo. A Associação de Pais e Encarregados de Educação esteve em todas as escolas e faz um balanço muito positivo da atividade. “Alguns de nós (como eu, que levei uma sopa para representar o 8.ºA) tivemos uma participação ativa, o que muito gosto nos deu”, disse Patrícia Flores, presidente desta associação. Reforçou a ideia dizendo que “vale a pena ver o nosso Agrupamento a fazer atividades desta qualidade, em que reúne alunos, professores, funcionários e pais/encarregados de educação”.
Em nome do grupo de trabalho do PES, Alexandra Gonçalves agradeceu o envolvimento e empenho de todos os que contribuíram para o sucesso da atividade. Começou pelos Diretores de Turma, que souberam motivar os alunos a participar ativamente na Mostra de Sopas.
“É com grande satisfação que, ano após ano, vemos os nossos alunos comerem não uma sopa, mas várias”, acrescenta Alexandra Gonçalves, para quem “o sucesso de mais uma Mostra de Sopas só foi possível pela dedicação de todos os que estiveram sempre prontos a ajudar.
Destaque, ainda, para a exposição bibliográfica; para a sopa de legumes com salpicão, do professor João Joaquim; para a decoração do espaço pela turma do ensino vocacional, 8.º D, sob orientação da professora Paula Lucas; para a presença, nas três escolas, dos elementos da direção do Agrupamento. Pela EB n.º2 de Vilarinho do Bairro passaram também a edil Teresa Cardoso e o professor Ângelo Santos, da Câmara Municipal. Foi ainda gratificante notar a presença de antigos alunos, bem como de professores, uns já aposentados, outros em funções noutros agrupamentos, mas cujo vínculo afectivo a Vilarinho do Bairro nunca se perdeu.

Rui Godinho

%d bloggers like this: