Skip to content

O cantinho dos afetos… e da saúde

Agrupamento de Escolas de Anadia

Teatro debate

 A peça “Nem muito simples nem demasiado complicado” pretende retratar situações problemáticas do dia-a-dia dos adolescentes. A comunicação através do teatro-debate tem-se revelado um meio privilegiado de levar os jovens a dialogarem sobre as dificuldades de comunicação com que muitas vezes se deparam, especialmente se essas situações tocam o foro íntimo da sexualidade. A sessão de debate teatral inicia-se pela representação de uma peça de teatro composta por 7 pequenas histórias relacionadas com a sexualidade, que reproduzem situações comuns no dia-a-dia dos adolescentes. Após a representação da peça, os alunos votam e as duas histórias escolhidas são representadas de novo permitindo a intervenção dos jovens presentes, apresentando sugestões e pondo em prática as suas ideias para modificar as situações problemáticas geradas em cena.

História 1: O primeiro passo (iniciar uma relação). Hugo e Luísa já se viram nos corredores da escola…A sua timidez torna difícil a primeira conversa… Para que haja uma relação é preciso que haja um encontro… Mas para haver um encontro é preciso que alguém dê o primeiro passo…

História 2: Uma questão de equilíbrio (gestão da relação). Numa relação nem sempre é simples encontrar o seu espaço e saber respeitar o espaço do outro. Joana e Luís já namoram mas ele não gosta da maneira de vestir dela e ela é muito ciumenta… Como resolver esta situação? Talvez seja tudo uma questão de equilíbrio.

 História 3: Como sair desta? (como terminar uma relação). Começar uma relação é uma coisa, terminá-la acarreta outros problemas…Sobretudo quando não se quer magoar o outro. Este é o dilema do Diogo em relação à Patrícia… Ela está muito apaixonada, com ele as coisas são um pouco diferentes.

 História 4: Uma ocasião especial (início da sexualidade) Pela primeira vez, desde que começaram a namorar, o Miguel e a Marta tem a oportunidade de passarem a noite juntos. O Miguel deseja-o muito, mas a Marta não se sente ainda preparada. O que se irá passar?

 História 5: A primeira vez (dúvidas e questões sobre a relação sexual) João e Rita estão numa festa! E nessa festa existem muitos quartos vagos no andar de cima… Mas e se “ele não gostar do meu corpo?” e se ela não gostar das minhas carícias?”… Como propor o preservativo? O que fazer com todas estas dúvidas?

 História 6: A cada um o seu papel (contraceção) A dois partilha-se tudo ou será que numa relação cada um tem o seu papel? Após o rompimento do preservativo durante uma relação, Paulo e Teresa são postos perante a necessidade de encarar o risco de uma gravidez não desejada e a questão da contraceção de emergência…

História 7: À beira-mar (infidelidade e doenças sexualmente transmissíveis) João e Carolina já namoram a algum tempo e têm plena confiança um no outro. Já fizeram análises e já sabem que está tudo bem… Decidiram deixar de usar preservativo e Carolina toma a pílula… Estão agora a passar férias juntos pela primeira vez, mas Carolina está um pouco estranha… O que fazer quando não se tem coragem para contar coisas muito importantes às pessoas que mais amamos?

No âmbito da aprovação da candidatura ao “Programa CUIDA-TE”, alguns alunos do 7º ano assistiram à peça de teatro “Nem muito simples nem demasiado complicado” sobre o tema da sexualidade. Esses alunos terão a responsabilidade de transmitir aos colegas que ficaram na escola, tudo o que observaram, numa aula de Formação Cívica, promovendo assim a formação pelos pares.

A Equipa de Educação para a Saúde

%d bloggers like this: