Skip to content

O cantinho dos afetos… e da saúde

Agrupamento de Escolas de Anadia

 

  Assim sendo, nos últimos tempos temo-nos deparado com o despertar mediático de um fenómeno relativamente pouco conhecido entre nós, concretamente o cyberbullying. No entanto, nos Estado Unidos da América (EUA) e Reino Unido (UK) este fenómeno é bastante conhecido e já alvo de estudos, assim como de campanhas de prevenção e combate ao mesmo (Wikipédia, 2007).   

 Este termo, cyberbullying, tal como o termo que lhe deu origem (bullying) foram adoptados pelas outras línguas, como é o caso do português. Este facto deve-se ao extenso significado que a terminologia original apresenta. Assim sendo, neste trabalho optamos pelo uso da expressão original: cyberbullying.        

 O cyberbullying, conceito que se crê ter sido utilizado pela primeira vez por Bill Belsey, professor em Cochrane, Alberta (Shariff, 2007), assume-se como uma variante do tradicional bullying. O bullying, como já foi referido anteriormente, é um tipo de violência que se caracteriza por ser intencional, continua e de carácter físico, verbal e /ou psicológico sobre um ou mais indivíduos. Por sua vez, o cyberbullying vem sendo definido pelo recurso às tecnlogias da comunicação e informação para denegrir, humilhar e/ou difamar uma ou mais pessoas.       

  Saber mais . . . 

 

 

 Autora: Luzia Pinheiro, Socióloga     

 

%d bloggers like this: