Skip to content

O cantinho dos afetos… e da saúde

Agrupamento de Escolas de Anadia

A sua composição nutricional tão próxima da dos cereais, faz da castanha um fruto muito peculiar, tradicionalmente consumido no Outono.

Tal como a grande maioria dos seus familiares, os frutos gordos e amiláceos (noz, avelã, amêndoa, amendoim, etc), a castanha é um alimento tipicamente outonal. O que o torna diferente é, sem dúvida a sua composição nutricional. É menos calórica que os restantes frutos gordos e amiláceos, já que o seu teor em gordura é significativamente inferior, no entanto, apresenta um teor superior em hidratos de carbono.

O seu nome científico é Castanea Sativa. Embora a variedade mais consumida seja a variedade comum ou europeia, existem três outros tipos específicos de castanhas, nomeadamente, a castanha da China, a castanha japonesa e castanha americana. O valor nutricional é muito semelhante em todas as variedades do fruto, diferenciando-se sobretudo, no teor de hidratos de carbono, mais intenso na castanha da China.

Informação nutricional

As castanhas são um fruto particularmente rico em hidratos de carbono complexos. A quantidade de gordura que apresentam, é em tudo muito semelhante à dos cereais, e consequentemente, muito inferior à dos restantes frutos gordos. Por outro lado, o seu conteúdo em água é de cerca de 50 %. Todas estas propriedades fazem da castanha um fruto de teor calórico muito inferior aos restantes frutos de outono.

Tabela de composição nutricional (por 100g de porção edível)

 

 

 

   Castanha assada com sal Miolo de castanha
Energia (kcal) 211 185
Água (g) 39,4 48,5
Proteína (g) 3,5 3,1
Lípidos (g) 1,3 1,1
Hidratos de carbono (g) 45,5 39,8
Vitamina A (μg) 11 11
Vitamina C (mg) 46 51
Folatos (μg) 56 61
Cálcio (mg) 23 20
Potássio (mg) 571 500
Magnésio (mg) 48 33

mg = miligramas; μg = microgramas. Porção Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios. Vitamina A = como equivalentes de retinol. Fonte: Porto A, Oliveira L. Tabela da Composição de Alimentos. Lisboa: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. 2006, pág. 100-101.

Vantagens e desvantagens

Pela sua riqueza em hidratos de carbono, a castanha constitui uma excelente fonte de energia.

Em culinária, é um alimento muito versátil, podendo ser consumida apenas cozida ou assada, mas também, utilizada como acompanhamento de pratos (castanhas assadas, cozidas ou em puré), em base para sopas, na confecção de molhos e até mesmo em sobremesas e bolos.

Ao contrário da maioria dos frutos, não é comum, consumir-se castanha crúa pela sua grande adstringência e dureza.

http://www.nestle.pt

Bolo de castanhas ou bolo de S. Martinho

Ingredientes:

500g de castanhas cozidas
250g açúcar
100g de margarina de girassol
5 ovos
2 colheres de chá de fermento

Preparação:

Num recipiente, colocar as castanhas cozidas e passar até ficarem em puré. Noutro, bater bem o açúcar com a manteiga e juntar as gemas.
 Acrescentar a esta mistura o puré de castanhas, o fermento e, finalmente as claras em castelo.
 Por fim, levar ao forno a 180º em forma untada com manteiga e polvilhada com farinha, durante cerca de 40 minutos, dependendo do forno, o meu não é exemplo para ninguém. Convém que não coza muito porque fica muito bom se ficar um pouco húmido!

http://se7epecados.blogs.sapo.pt

About these ads

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: